Sexta-feira, 15 de Maio de 2009

Foi diagnosticado uma mama acessória axilar...

 Olá Doutor, estou no Brasil, e gostaria de uma opinião sobre meu caso, se possível.

Foi diagnosticado uma mama acessória axilar, do lado direito maior e do lado esquerdo menor através de ultra-som.

Foi encaminhada pelo meu ginecologista para um médico especializado em MAMA, ele me falou que não tinha

tratamento e que eu teria que fazer uma cirurgia para fazer a retirada da mama que se encontra na axila, o que

fica desconfortável esteticamente falando.

Gostaria de saber detalhes dessa cirurgia, se fica cicatriz grande, como funciona e foi cogitada a possibilidade de

perder peso para que a área  diminua de tamanho e  para que não seja necessário fazer a cirurgia.

O que o Senhor acha disso, eu tenho 1,70 de altura e 74 quilos e já pesei em media de 65, 64 quilos.

Obrigada desde já.

 

 


A existência de mamas acessórias é frequente e podem ser encontradas (tal como mamilos acessórios) numa linha que vai do umbigo á axila. Por vezes são até funcionais respondendo ás variações hormonais do ciclo menstrual e da gravidez.

O principal problema destas situações que são congénitas, reside no facto de existir glândula mamária em localizações em que não é vigiada sendo que assim não são envolvidas nos exames de vigilância do cancro da mama. 

Tem tratamento, mas é cirúrgico. O meu conselho vai nesse sentido e as cicatrizes são geralmente pequenas e fáceis de camuflar, particularmente na axila. 

A redução de peso poder diminuir o volume da mama em causa, mas não resolve ou trata o seu problema que é essencialmente cirúrgico.


 

 

publicado por Francisco Falcão de Melo às 11:17
link do post | comentar | favorito
39 comentários:
De Adassa kuri a 25 de Junho de 2009 às 18:30
Oi!!!

Submeti a cirurgia de mama acessoria a 2 semanas.
Estava maior do lado direito e menor do esquerdo. A incisão ficou +- 4 dedos na dobrinha da axila. O cirurgião fez uma pequena lipo na região retirando depois o tecido mamario, colocou dreno retirou depois de um dia.

O pós operatorio é difícil pois vc fica limitada a tudo porque é uma região que vc não pode transpirar. Usei anaseptil nos 12 dias para evitar umidade e prevenir infecção nos pontos. Agora estou usando também kollagenase com clorafenicol para retirada das crostas da incisão.

Como acumula liquido no espaço estou com pequenos nodulos durinhos, mas o Dr. pediu para fazer massagens no banho para ajudar o organismo absorver aos poucos.

Retirarei os pontos daqui a 5 dias.

Vejo agora minha axila mais fundinha linda

O mais ruim é ter que dormir com a barriga para cima e as mãos para cima. A gente acostuma.

Bejus

De Barbara a 19 de Novembro de 2009 às 23:43
Acho que tenho este problema, como ter certeza? Devo procurar um mastologista para obter um diagnostico preciso? Mamas acessórias são consideradas patologias ou apenas um problema estético? grata
De Francisco Falcão de Melo a 27 de Novembro de 2009 às 17:02
Para além do problema estético, a mama acessória responde aos mesmos estímulos hormonais que a mama normal, sendo que também pode ser sede de patologia maligna. Como se encontra em áreas que normalmente não são vigiadas, é de todo o interesse removê-la. Assim sendo resolve dois problemas.
De Thaís a 8 de Maio de 2010 às 23:02
Eu também tinha uma mama acessória no lado direito, que foi retirada no dia 23/04/10. Foi uma coisa muito desejada, afinal além de ser feio, pode causar doenças. Fiz a cirurgia com o cirurgião plástico, o corte foi bem grande, mas a cicatriz quase nem aparece. Também fiquei com o dreno de um dia para o outro, e ocorreu tudo bem. Ainda está muito inchado, por isso o médico receitou uma pomada para que eu faça movimentos rotatórios para que esse inchaço saia. Estou muito feliz!!!
De Márcia a 17 de Maio de 2010 às 20:56
Tenho uma mama acessória na axila esquerda, há vários anos...
Agora, devido a um aumento de peso, ela aumentou.
Eu estava com todos os exames pré-operatórios prontos, quando marquei minha cirurgia descobri que minha mãe estava com cancer, que veio a falecer 3 meses depois. Após o doloroso fato eu fiquei completamente traumatizada com procedimentos cirurgicos e tudo que envolve pessoas de branco.....rsrs(não podemos ter medo deles, pois eles são os verdadeiros anjos de branco que cuida nós, mas pelo trauma, fiquei com muito medo.)
Agora, não tenho alternativas pq ela está do tamanho de uma laranja, não consigo abaixar meu braço, quando vou menstruar ela aumenta também e o desconforto é horrível, não sinto dor nela, mas dói meu ombro e as vezes a dor se estende pelo braço.
Gostaria de opiniões de quem já passou por isso, como também conselhos médicos.

um grande abraço a todos

De Francisco Falcão de Melo a 19 de Maio de 2010 às 14:15
Penso que deve ser operada em breve, embora não seja urgente. Acontece que se trata de tecido mamario numa área ectópica e logo menos vigiada e tem antecedentes de cancro de mama na sua família. Embora tenha passado por um experiência traumatizante e esteja num luto recente, pelo qual tem a minha simpatia, não deixe passar muito tempo. É que não é apenas um problema estético e funcional.
De alexandra a 28 de Junho de 2010 às 13:50
oi Márcia,sou Alexandra de Mogi Guaçu,eu tbm tinha mama acessoria na axila esquerda era um desconforto e muito feio tbm quando colocava tomara q caia por isso resolvi fazer a cirurgia foi um sucesso,hoje m sinto mais feliz.bjs
De Gabriele a 6 de Setembro de 2011 às 14:33
Ola Marcia vi seu comentario entendo seu trauma ...
eu fiz a cirurgia de mama acessoria faz 3 semanas a minha era do lado direito tb estava grande antes fui em varios medicos um dele me disse que eu sempre tive so agora q ganhei mais peso ela ficou mais visivel ,outros me disseram que era gordura fui ao hospital para fazer a retirada da gordura porem o medico que iria fazer a cirurgia viu que n era gordura e sim mama acessoria que a cirurgia era um pouco mais delicada , fiz a cirurgia todavia estou me recuperando mas estou muito feliz porque agora posso usar blusas sem tem que ficar checando se o caroco saiu pra fora !!!
tenta superar o trauma sei q n e facil porem sera melhor pra voce
boa sorte querida
De Ana Paula Sampaio a 27 de Maio de 2010 às 12:41
Tenho 21 anos, acabei de descobri que tenho"mama extra" acessória..... me assustei inicialmente, mas o meu ginecologista foi super agradavel, e me me explicou tudo... estou tranquila, optei ja pela cirurgia, pra que prolongar??? tenho um pouco de medo da recuperação disse que é um pouco dolorosa..... mas estou tranquila....
De Rosa a 6 de Dezembro de 2010 às 19:00
Também tenho o mesmo problema nas axilas e gostaria de saber qual o tipo de anestesia que se toma para esta cirurugia.
Grata
De Francisco Falcão de Melo a 6 de Dezembro de 2010 às 22:46
Geralmente a cirurgia é feita sob anestesia geral, mas depende das dimensões da mama, se é um problema bilateral e das história clinica da pessoa em causa.
De Michelle a 1 de Fevereiro de 2011 às 02:55
Boa noite a todos! Descobri esse prognóstico no 2dia que meu filho nasceu. Ele já esta com 1 ano e meio, e só agora que estou sentindo mais incomodos com a situação do que antes. Quem devo procurar primeiro? E qual faixa de custo da operação, pois pelo que li é mais estética né? Estou tão angustiada. Obrigada!
De Francisco Falcão de Melo a 1 de Fevereiro de 2011 às 13:49
Para tratar este problema mama acessória sugiro que procure um cirurgião plástico ou um senologista . O problema não é apenas estético, uma vez que se trata de tecido glandular e consequentemente sujeito a todos os problemas da mama. Como se encontra numa posição diferente ectópica ), a vigilância não é tão apertada. Daí ser sugerida a sua remoção.
De Regina a 17 de Fevereiro de 2011 às 02:48
Tenho mama acessória dos dois lados e agora com a gravidez aumentou. Aquilo que pensei que era uma gordurinha, está ficando cada vez maior. O que eu faço... procuro um cirurgião agora e retiro antes que aumente mais ou espero o bebê nascer?
De Francisco Falcão de Melo a 17 de Fevereiro de 2011 às 06:47
Agora é melhor que a gravidez vá até ao fim, que dê de mamar e depois programe para remover essa glândula acessória. Durante a gravidez não é a melhor altura.
De lo-ruama da silva medeiros fernades a 1 de Março de 2011 às 15:19
Antes de engravidar eu já tinha a glandula na axila esquerda mas eu achava que era uma especia de 'ingua', pois quando estava no periodo menstrual ela aumentava de volume e sempre doeu. Agora depois que meu filho nasceu essa glandula doi e arde quando as mamas enchem e quando ele suga o leite. sei que preciso operar mas devo esperar terminar o periodo de amamentação? o meu bebê já esta com 5 meses.
Lo-ruama Fernandes, natal/rn 01/03/2011
De Francisco Falcão de Melo a 24 de Março de 2011 às 11:48
Deve terminar a amamentação e esperar mais cerca de 3-4 meses e então deverá ser operada.
De Ana a 3 de Março de 2011 às 00:04
Alguém sabe me dizer se há alguma relação de mama acessória axilar com hiperidrose?
De Francisco Falcão de Melo a 16 de Março de 2011 às 23:38
Não. São dois problemas que podem coexistir mas não estão relacionados.

Comentar post

Dr Francisco Falcão Melo

Licenciado em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Lisboa, fez o Internato Complementar em Cirurgia Plástica e Reconstrutiva nos Hospitais Cívis de Lisboa. Actualmente é Assistente Graduado sendo o responsável pelo Serviço de Cirurgia Plástica e Reconstrutiva do Hospital Militar Principal. Membro da Sociedade Portuguesa de Cirurgia Plástica Reconstrutiva e Estética, da Sociedade Portuguesa de Cirurgia da Mão e da Sociedade Portuguesa de Queimaduras.Exerce a sua actividade privada em Lisboa e em Leiria.

Envie a sua questão

As respostas às suas dúvidas atendem a diversos critérios. Neste serviço, não serão consideradas válidas questões com falta de enquadramento ou situações de emergência que só possam ter encaminhamento imediato.

E-mail: franciscofmelo@sapo.pt

Pesquisar

Arquivos

Temas

todas as tags

Ligações

blogs SAPO

Subscrever feeds